Conheça os indicadores de produtividade

 Conheça os indicadores de produtividade - zoho

Fazer mais com menos. Essa situação representa o sonho de qualquer gestor que busca um nível de excelência nos processos que a empresa executa, não é mesmo? O maior desafio, no entanto, é entender quando o desempenho dos negócios e dos funcionários pode ser considerado alto ou baixo. Trazendo essas respostas estão os indicadores de produtividade.

Também conhecidos como indicadores de desempenho, ou KPIs (Key Performance Indicators), são usados ​​para medir e mostrar a relação entre a produção, os recursos e os resultados que uma empresa alcançou em um determinado período de tempo. Desta forma, focam-se não só na quantidade, mas também na qualidade do serviço.

Quer saber mais sobre indicadores de produtividade, para que servem e quais são os principais tipos existentes no mercado? Continue lendo para saber como avaliar efetivamente o desempenho do seu negócio!

Saiba como funcionam os indicadores de produtividade

A importância das métricas de produtividade é que elas fornecem uma avaliação e quantificação precisas da relação entre “esforço usado X produto e serviço produzido”. Ideais sempre os utilizam com métricas de qualidade para criar cenários ideais para o crescimento e desenvolvimento de uma organização.

O trabalho básico dos indicadores de produtividade é o seguinte: primeiro, é estabelecido um indicador padrão para o processo a ser avaliado, depois os resultados da medição do mesmo processo são ponderados e, finalmente, os dois são comparados detalhadamente.

A chamada “eficiência do processo” é o quociente dessa relação.

Importância de obter insights sobre os processos da empresa ao preparar indicadores de produtividade

Ao contrário dos resultados apresentados pelos indicadores de qualidade, que são sempre expressos em números percentuais, os indicadores de produtividade apresentam um quociente direto entre duas unidades de medida diferentes: uma que mede os recursos aplicados e outra que quantifica o produto produzido.

Com isso em mente, é de extrema importância que os gestores e demais profissionais relevantes identifiquem e documentem detalhadamente todos os recursos e saídas envolvidos no processo cuja produtividade deve ser medida, caso contrário, os resultados medidos não corresponderão à situação real e a todos os Planos. , o desempenho e o crescimento da empresa podem ser afetados.

Também é importante entender os processos de uma empresa, pois a saída de um processo pode ser um recurso importante para outro. Um exemplo disso são os treinamentos e palestras (processos), cujo objetivo é qualificar os colaboradores (outputs) e, ao participar dessas atividades, tornam-se recursos que podem ser utilizados para organizar outros processos.

Conheça os KPIs

Você provavelmente já tem uma boa ideia do que são métricas de produtividade, certo? Nesse sentido, é importante notar que eles fazem parte dos KPIs, que constituem um conjunto de indicadores de desempenho que podem ser observados em diferentes categorias:

● Métricas de produtividade: medem a relação entre a entrega do serviço e a entrada de recursos em um determinado período;

● Métricas de qualidade: medem a relação entre a entrega do serviço e a entrega total por critérios específicos, retratando a qualidade percebida pelos clientes finais;

● Métricas de Capacidade: Mede a quantidade de entregas que um processo pode fazer com determinados recursos em um determinado período de tempo;

● Métricas Estratégicas: Mede o quão perto uma empresa está de atingir seus objetivos estratégicos.

Por causa da relação entre os quatro tipos, essas métricas nem sempre funcionam sozinhas. No entanto, cada métrica deve ser definida com muita clareza para obter resultados precisos e avaliar a eficiência de uma empresa.

Por que usar os indicadores de produtividade?

Os indicadores de produtividade são usados principalmente para medir e monitorar de perto o processo de serviço que uma empresa oferece a seus clientes. Essa é uma boa prática de gestão que pode fazer uma grande diferença nas decisões.

Isso porque os dados obtidos por meio dos indicadores de produtividade podem ajudar os gestores a correlacionar variáveis, visualizar pontos fortes e fracos do negócio, entender a satisfação do cliente e outras informações técnicas e estratégicas e, o mais importante, servir de base para a aplicação de soluções. problema descoberto.

Entenda as vantagens de mensurar os indicadores de produtividade?

Há tantos benefícios para este tema como você pode imaginar. Primeiro, essas métricas dão ao gerente uma visão mais precisa, garantindo que ele tenha uma visão clara do que está acontecendo dentro da empresa e entre os clientes.

Veja abaixo uma lista de outros benefícios do uso dos indicadores de produtividade!

Mais assertividade nas decisões de rotina

Todos os dias, um gerente e sua equipe precisam tomar decisões importantes. Por exemplo, onde é investido o tempo de trabalho? As más decisões podem afetar a empresa, bem como os clientes e outras partes interessadas no negócio. Os indicadores de produtividade permitem que os gerentes realizem análises mais precisas, melhorando assim a qualidade da tomada de decisões no dia-a-dia.

Melhor gerenciamento das equipes

A gestão da equipe depende do monitoramento. Se você entender os resultados atuais de seus funcionários, poderá direcioná-los melhor com feedback ou treinamento. Novamente, os ponteiros são úteis. Eles permitem avaliar a entrega da equipe, os recursos envolvidos em cada processo e os “gargalos” que precisam ser corrigidos.

Melhor definição dos objetivos

As metas funcionam como bússolas porque ajudam a orientar profissionais e equipes. No entanto, bons objetivos precisam ser mensuráveis, ou seja, baseados em números. As métricas são essenciais nesse contexto, pois são a base para estabelecer metas para melhorar o que está sendo feito. As metas podem ser difíceis de criar se você não conhecer seus KPIs.

Direção para o resultado final

Muitas vezes, dentro da empresa, há uma falta de orientação para resultados. Isso significa que talentos e equipes se perdem em processos e burocracia, e os resultados são esquecidos. Felizmente, as métricas de monitoramento enviam uma mensagem clara: bons resultados são essenciais e todos devem buscá-los.

Gostou deste artigo? Precisa analisar seus indicadores? Acesse nossa plataforma Zoho Workplace e fique por dentro de tudo que acontece no seu negócio em tempo real!

Publicações relacionadas