5 dicas para se proteger de spam por e-mail e como o Zoho Mail ajuda você nessa tarefa

Se houver algo presente na lista de desejos de cada usuário de e-mail, é nunca mais receber spam.

Representando quase 70% do tráfego total de e-mail, o spam atinge todos os cantos do mundo. Os provedores de serviços de e-mail fazem o possível para proteger os usuários desse problema com uma parede de filtros, mas alguns deles acabam na sua caixa de entrada.

E uma pergunta recorrente dos usuários é: “como o spammer conseguiu meu endereço de e-mail?” A resposta pode ser uma surpresa. Lembra daquele formulário aparentemente inofensivo que você enviou após as compras online de Natal? Ou o pop-up que você preencheu para baixar o último episódio de uma série? Essas são algumas das fontes que os spammers usam para coletar endereços de e-mail.

Infelizmente, esses métodos de engenharia social não são as únicas maneiras das quais eles dependem. Os spammers usam várias técnicas, desde simplesmente implantar rastreadores para obter informações de contato de sites e plataformas de mídia social até o método mais difícil de adivinhar combinações de endereços de e-mail usando a técnica de força bruta. Assim que eles confirmarem que seu e-mail está recebendo mensagens (usando capacidade de entrega e registros de cliques), você ficará para sempre preso no banco de dados do spammer. E os perigos para os usuários são grandes: desde perda de dados e dinheiro até a privacidade.

Veja, então, cinco dicas para evitar spams em sua caixa de entrada.

1) Nunca forneça seu endereço de e-mail em um fórum público  

Por mais tentadora que seja uma oferta, é melhor evitar divulgar seu endereço de e-mail em qualquer fórum público. Você pode pensar que compartilhá-lo na página ou no perfil de uma marca confiável é seguro, mas muitos remetentes de spam usam rastreadores para verificar páginas aleatórias e extrair endereços de e-mail para seu banco de dados. Devido a isso, você provavelmente receberá e-mails de spam e seu endereço de e-mail pode até servir como uma fachada para futuros ataques falsificados de spammers contra outras pessoas. Portanto, é melhor compartilhar seu endereço de e-mail com o máximo cuidado.

2) Não interaja com e-mails de spam  

Na maioria das vezes, os spammers obtêm endereços de e-mail gerando-os aleatoriamente – método de força bruta. Eles não têm como saber a validade de um endereço de e-mail, a menos que o destinatário interaja com o e-mail (o que inclui responder a um e-mail, baixar arquivos ou imagens incorporados e clicar nos links anexados). Uma técnica enganosa comum usada por spammers para induzir o destinatário a interagir é fornecer um link “cancelar assinatura”. Embora os profissionais de marketing usem essa opção de maneira apropriada, os spammers a usam como uma ferramenta para confirmar a capacidade de entrega de seu endereço de e-mail. Isso resulta em você ser “inscrito” no banco de dados do spammer em vez de cancelar. Portanto, é mais seguro deixar um e-mail de spam sozinho e não interagir com ele, exceto ao marcá-lo como spam.

3) Saiba como funciona o e-mail  

Entender como o e-mail funciona e conhecer os recursos comuns, como remetente de visualização, remetente do envelope, SPF , DKIM e DMARC, permite que você fique alerta. Ao verificar o cabeçalho de qualquer e-mail recebido, você pode rastrear sua trilha e identificar se um e-mail é falso ou autêntico.

4) Evite usar Wi-Fi público  

Embora as redes Wi-Fi públicas/gratuitas pareçam uma forma ideal de acessar a Internet, também podem ser uma isca. Uma das ameaças mais comuns nessas redes é um ataque Man-in-the-Middle (MitM), que é uma forma de espionagem. Usando isso, um spammer pode extrair seu endereço de e-mail, lista de contatos e outras informações confidenciais, deixando seus dados comprometidos. Para evitar isso, é melhor usar apenas a Internet móvel e conexões Wi-Fi confiáveis.

5) Denuncie e-mails de spam  

É sempre bom relatar qualquer e-mail de spam ao seu provedor de serviços de e-mail (ESP). Relatar spam ou marcar um e-mail como spam ajuda seu ESP a rastrear o endereço IP do spammer e bloquear qualquer outro e-mail deles. Isso impedirá que e-mails ilegítimos cheguem à sua caixa de entrada.

Seguir essas dicas pode ajudar a prevenir spam e ataques cibernéticos. No entanto, é igualmente importante ser capaz de protegê-lo no caso de um spammer quebrar seu firewall. Algumas das medidas de precaução incluem não armazenar senhas no seu disco rígido, mudar suas senhas periodicamente, não usar a mesma palavra-chave ou frases em todas as suas senhas, usar um bom programa antivírus e manter seu sistema operacional atualizado .

Embora proteger-se conscientemente contra spam seja crucial, o Zoho Mail também faz um esforço extra para fornecer a você os filtros de spam e técnicas preventivas padrão da indústria.

Saiba, então, como o Zoho Mail protege você contra spam.

  • Controle de spam centrado no usuário

Se as nuances de classificar os e-mails certos como spam são um desafio, determinar a abordagem certa para e-mails em massa é um desafio ainda maior. Embora nossos filtros possam reconhecer e filtrar e-mails com impressões digitais de spam – anexos mascarados com malware, links de phishing, macros executáveis maliciosas, e-mails não compatíveis com RFC, e-mails em massa não solicitados e muito mais – a abordagem que precisamos adotar para cada um deles é diferente. Mesmo filtrando e-mails de phishing com mais vigor, reduzindo os falsos positivos, adotamos uma abordagem mais específica do usuário em relação a e-mails em massa, visto que um e-mail em massa pode ser spam para um usuário e interessar a outro.

Com a ajuda de configurações de controle de spam centradas no usuário e em toda a organização, os administradores podem personalizar e escolher que tipo de e-mail desejam que o Zoho Mail entregue em sua caixa de entrada. Começando com a escolha de quais partes de um e-mail você deseja que analisemos usando nossos filtros, os administradores podem escolher mostrar alertas baseados no remetente, processar spam com base em idiomas específicos e colocar em quarentena ou rejeitar e-mails com base na estrutura de autenticação ( SPF , DKIM , DMARC , e DNSBL ) verificação. O administrador também pode adicionar e-mails, domínios e endereços IP específicos às suas listas, como “lista permitida” ou “lista bloqueada” para receber ou não e-mails de determinados remetentes. Além de o administrador manter uma lista para toda a organização, cada usuário pode personalizar suas próprias listas anti-spam para bloquear ou permitir usuários de sua escolha.

  • Combate o phishing com maior precisão  

Digamos que você mantenha suas finanças em um banco chamado Woods e “woods.com” seja o endereço de domínio. Agora, um spammer pode fazer phishing usando um domínio – ”vvoods.com” ou “w00ds.com” – que parece ser o endereço legítimo, alterando algumas letras para enganar os destinatários.

Embora nossos filtros de spam sejam capazes de detectar esses e-mails, você também pode tomar medidas adicionais de controle de falsificação para os domínios que são importantes para sua organização, verificando todos os domínios primos desse respectivo domínio. E não para por aí. Você pode proteger os membros da sua organização de e-mails falsificados e evitar que essa fraude aconteça com a ajuda do recurso de falsificação de nome de exibição do Zoho Mail.

O processamento de spam tem suas falhas porque, à medida que os ESPs aprimoram seus mecanismos de filtragem e bloqueiam e-mails de spam com maior precisão, os spammers também se tornam mais avançados em suas técnicas de mascaramento, usando serviços de renome. Alguns spammers começaram a seguir regras RFC, protocolos de autenticação SPF e DKIM, entre outros, para escapar do processamento de spam. Este novo e evoluído spam, às vezes, pode escapar dos filtros e acabar na caixa de entrada do destinatário.

 

É por isso que estamos constantemente atualizando o servidor Zoho Mail para aprender novas impressões digitais. E não se preocupe: mesmo que um ou dois e-mails de spam escapem de nossa parede de filtros, nossa verificação de spam pós-entrega pode identificar e marcar esses e-mails como spam automaticamente.

 

 

 

 

Publicações relacionadas